文档操作

Coleção de jóias com opalas do Piauí estará em feira no DF

Feira da Agricultura Familiar e Reforma Agrária em Brasília abre espaço para exposição de jóias com opala, atividade que gera renda para famílias no Piauí.

Coleção de jóias com opalas do Piauí estará em feira no DF

Nicolau El-moor - Jóias mostram toda a beleza das opalas de Pedro II (PI)

Teresina, 03/10/2007

Teresina - A partir desta quinta-feira (4) até domingo (7), o Piauí estará presente na IV Feira Nacional de Agricultura Familiar e Reforma Agrária, em Brasília (DF). O evento, que vai acontecer no Pavilhão da ExpoBrasília, no Parque da Cidade, reunirá 480 expositores de todo o País.

“O objetivo da feira é discutir a agricultura de forma sustentável, sem agredir o meio ambiente, gerando renda para as milhares de famílias no País. Sob essa ótica conseguimos encaixar o segmento da opala, através do Projeto Talentos do Brasil numa parceria do Sebrae com o Ministério do Desenvolvimento Agrário”, explica a gestora do Projeto de Artesanato do Sebrae no Território de Teresina e coordenadora do Projeto Talentos do Brasil no Piauí, Rosa de Viterbo Cunha.

O Piauí estará presente com a coleção Pedra Primeira de Pedro Segundo, desenvolvida para participar da edição 2006 do Fashion Business no Rio de Janeiro, quando fez um enorme sucesso. São 60 peças em prata e tucum cravejadas com opalas. O tucum é uma palmeira típica do Nordeste, cuja casca é muito utilizada em adornos.

“Durante a feira, haverá um desfile de jóias com as opalas de Pedro II. O objetivo não é somente divulgar, mas ainda promover e comercializar esses produtos”, acrescenta Rosa.

A feira

Durante quatro dias, o evento integrará empresários, atacadistas, agricultores familiares, assentados da reforma agrária, aqüicultores, extrativistas, quilombolas e indígenas, quando serão expostos e comercializados cerca de dez mil produtos.

A estimativa é de que a venda direta alcance um total de R$ 6 milhões e, nas rodadas de negócios, a expectativa é a efetivação de R$ 15 milhões. Os números das edições anteriores da feira são estimulantes: R$ 22 milhões em venda direta nas três primeiras edições do evento e, nas rodadas de negócios, R$ 10 milhões.

A participação do Estado é uma iniciativa do Sebrae no Piauí, em parceria com o Ministério do Desenvolvimento Agrário.

Suzana Prado

Fonte: Agência Sebrae de Notícias

Rede Brasileira de Informação dos Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral
SAS Quadra 05 Lote 06 Bloco H 2º andar sala 06. CEP 70070-912, Brasília - DF
Portal mantido por: IBICT
Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia